Marcadores

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Chiquinho do Além Mar - "Canções do Cotidiano" - ( Cd )



         FBSs compartilha  : Chiquinho do Além Mar e Forró de Mala e Cuia.


     Hoje quem chega na pisada, literalmente "de mala e cuia" e desaba a mandar forró no Sistema de Som do Forrobodó é o sergipano de Aracaju: Chiquinho do Além Mar e seu Forró de Mala e Cuia.
    No disco "Canções do Cotidiano" que surgiu da memória musical de Chiquinho ao lembrar as músicas cantadas por sua mãe no seu dia-a-dia, nos apresenta treze composições suas, num disco autoral, com bons forrós,  xotes, xaxados e arrasta-pés.Carregado de poesia, de Cordel, do sertão,do litoral, de histórias de personagens sergipanos, dos mangues de Aracaju e principalmente da praia de Atalaia onde Chiquinho nasceu e se criou. 
   O trabalho é o segundo do proff. e cordelista e traz na direção musical o zabumbeiro Scurinho que também toca zabumba nas treze faixas, destaque para o xote: "Saudade"e para os forrós : "Forró de Zé Genário e Capitão Berto".
   Segue abaixo o cd Canções do Cotidiano para baixar, e um vídeo onde Chiquinho faz jus a alcunha e interpreta direto de Viena a oitava faixa do cd : Bela Atalaia.

 Segue a festa !



                  Canções do Cotidiano - Chiquinho do Além Mar e Forró  de Mala e Cuia





  01 - Saudade 

  02 - Baila Comigo 

  03 - Festança

  04 - Forró de Zé Genário

  05 - Capitão Berto
  06 - Forró do Kachá

  07 - Passeio - *Chiquinho do Além Mar e Eugênio Eneas

  08 - Bela Atalaia

  09 - A seca 

  10 - Solidão 

  11 - Amor Eterno 

  12 - Cabo Lisboa 

  13 - Moça Linda
  

         Para baixar o Cd clique aqui


                           



                          Chiquinho Interpretando Bela Atalaia em Viena - Áustria.




* Para conhecer um pouco mais do trabalho : https://pt-br.facebook.com/chiquinho.doalemmar

sábado, 21 de novembro de 2015

Correia dos Oito Baixos - (Cd)

      
          FBSs compartilha : Correia dos oito baixos ( Cd )


  Forrobodó Sound System deixa tudo pronto para o baile, e mais uma vez abre alas para o Forró produzido em Sergipe. 
  E dessa vez quem engrossa o caldo é o capelense Correia dos Oito baixos, que, junto com sua trupe, capricham na pisada e esquentam o salão com o disco : "50 anos de Sanfona". O disco traz muito forró, arrastapé, xote, coco, dentre outros. Destaque para :" Forró no litoral", "Coco Moqueca" e "Olha a Sarandaia" que é a tradicional festa da cidade de Capela. O disco ainda conta com a participação do Trio Nordestino na faixa : "Muita mulher, pouco macho."

 Segue abaixo release enviado por Antônio Carlos Correia que é contrabaixista, compositor, produtor e filho de Correia. Logo após segue o disco para download e um vídeo da apresentação de Correia no centro cultural J. Inácio na Orla da Atalaia em Aracaju-SE/Outubro/2015.

* FBSs agradece a Antônio Carlos Correia pela contribuição.



CORREIA DO OITO BAIXOS



"Carlos Correia Matos, o Correia do Oito Baixos, nasceu em Capela/SE, a 16 de fevereiro de 1953. Aos 12 anos, começou a tocar numa sanfoninha de quatro baixos, que era de seu irmão mais velho, Moacir. Correia é autodidata. Logo após, já animando festinhas nas escolas da cidade onde nascera e nas circunvizinhas, o sanfoneiro adquiriu um oito baixos profissional, e continuou atuando em tais festinhas e nos leilões, que eram as grandes festas da época. Deixou de se apresentar profissionalmente durante 17 anos, e, só em 2006, incentivado pela família e por amigos que admiram seu trabalho, juntou-se com seu filho, o baixista Antonio Carlos Correia, e mais alguns amigos, e voltou à ativa. "

... "Agora, em 2015, reuniu sua trupe para encarar quase dois meses de gravações, comemorando seus 50 Anos de Sanfona. Contou com as participações mais que especiais do queridíssimo Trio Nordestino, que cantou a faixa "Muita Mulher, Pouco Macho", que foi a primeira música gravada por Correia, em 2007. Também contou com a voz de Sérgio Lucas, juiz de direito, residente em Aracaju, cantor e compositor, com dois trabalhos lançados. Outra participação surpreendente é a de seu neto, Max Vinícius, que, com apenas um ano e oito meses, pediu para o avô tocar "fonfona", e ao final, fez seu agradecimento, após ter seu pedido prontamente atendido! O disco ainda homenageia um dos mais fortes folguedos da cidade de Capela, assim como seus criadores, que é a "Sarandaia", festa que abre os festejos juninos da cidade, convidando a todos para a famosa Festa do Mastro, que ocorre durante os dias de São Pedro. Há também uma  faixa que homenageia a carreira do sanfoneiro, intitulada "50 Anos de Forró", a qual descreve o início de tudo. Ainda podemos ouvir faixas engraçadas, de amor, de dor de cotovelo, outras descrevendo o que acontece em um bom forró, além de duas faixas instrumentais. Confiram !"

*Por : Antônio Carlos Correia




Correia dos 8 Baixos – 50 anos de sanfona
2015


01 - 50 anos de forró (Antonio Carlos Correia)
02 - Forró de primeira (Antonio Carlos Correia – Carlos Correia)
03 - Olha a Sarandaia (Ary do Proveito – Anderson Melo – Carlos Campos – Napu – Gileno – Paulo Cabral)
04 - Muita mulher, pouco macho (Antonio Correia – Antonio Carlos Correia)
05 - Doeu (Antonio Carlos Correia)
06 - Genro atrapalhado (Antonio Carlos Correia)
07 - Amor sem segredo (Antonio Carlos Correia – Almary Santos)
08-  Forró no litoral (Antonio Correia – Sérgio Lucas – Antonio Carlos Correia)
09 - Meu nome em seu diário (Antonio Carlos Correia)
10 - Só dança comigo (Antonio Carlos Correia – Carlos Correia)
11 - Coco moqueca (Antonio Carlos Correia)
12 - Tanta maldade (Antonio Carlos Correia – Carlos Correia)
13 - Pra roubar seu coração (Antonio Carlos Correia)
14 - Bodas de ouro (Antonio Carlos Correia – Carlos Correia)
15 - Forrózinho pra Max (Antonio Carlos Correia – Carlos Correia)

Para baixar clique aqui.










sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Forró da Gente - ( Cd ).


FBSs compartilha :


 Após um breve período de inatividade o FBSs volta a ativa para compartilhar uma playlist retirada do Cd : "Forró da gente", lançado em 24/10/2015 em Aracaju/SE pela Cooperforró ( cooperativa de forrozeiros sergipanos ).





domingo, 20 de setembro de 2015

O Tempero Do Forró - Coletânea.

 

FBSs Compartilha :


  Hoje o FBSs traz a primeira de uma série de coletâneas temáticas. E para começar abriremos com o tema: Gastronomia.
  A coletânea ilustra sonoramente o ótimo texto feito pelo Mestre, gastrólogo,sertanejo de Paulo Afonso e forrozeiro, o proff. Hernany Donato, que fala sobre os temperos, sabores e aromas da gastronomia Nordestina do interior ao litoral, sempre relacionando a comida e seus temperos com a música e os ritmos que compõem esse forrobodó.




O tempero do forró


[i]Hernany Donato

A dimensão continental atribuída ao Brasil acaba dificultando uma maior afirmação e reconhecimento das mais diferentes regiões, que se entrelaçam umas às outras formando a tão propagada, nos últimos anos, identidade nacional. A exemplo de sua riqueza, a cultura nordestina traz consigo o casamento da herança gentil com outros troncos culturais bem distintos. É fato, que a presença cultural do medievo europeu, o qual impôs sua beligerância a tribos africanas se perfaz aqui facilmente nos falares, nos ritos, nas danças, nos brinquedos populares e como não poderíamos deixar de citar: a alimentação. Afinal de contas todos aqueles que falam, bebem, dançam, brincam e vivem, comem!
     Conduzido por uma via imaginária de comunicação que se estende pelo fluxo entre o sertão e o litoral, o nordeste se divide entre aquele que traz a esperança da fartura das redes de pesca e seu oposto, aquele que visivelmente é a ausência de toda e qualquer política pública, a qual trouxesse algum benefício para homem do campo. O ambiente hostil e áspero destinado ao sertão nordestino ao longo de toda historiografia e mídia nacionais acabou por esconder a riqueza, os saberes e os fazeres encontrados nessa região.
     A etimologia da palavra sertão reforça cronologicamente a tendência ao degredo e a uma depreciação que nos parece histórica. Assim, o significado da palavra “sertão”, no Dicionário Aurélio, corresponde a:
1.Região agreste, distante das povoações ou terras cultivadas. 2. Terreno coberto de mato, longe do litoral. 3. Interior pouco povoado. 4. Bras. Zona pouco povoada do interior do país, em especial do interior semi-árido da parte norte-ocidental, mais seca do que a caatinga, onde a criação de gado prevalece sobre a agricultura, e onde perduram tradições e costumes antigos. (...). (FERREIRA: 1975, p.1293)
       Foi no Nordeste brasileiro que a cultura oral aproveitou os traços locais e a instabilidade da natureza sertaneja para povoar o imaginário poético. Seja na fartura do ciclo junino, que nos revela a riqueza do milho, seja nos meses de estiagem, o nordestino transcreve saberes e sabores a partir do ritmo do forró. Pela complexidade do prato, a buchada é uma das iguarias muito bem faladas no repertório do forró por vários cantores e, também está representada gastronomicamente como uma preparação compartilhada na ocasião de festas e datas importantes.
      Seguindo o que os traços históricos nos apontam para nosso Brasil colônia não podemos deixar de exaltar a cachaça, a cana, a branquinha, a “marvada” tão bem representada na voz de Luiz Gonzaga, “cana só de Pernambuco” e a partir da destreza vocálica de Jackson do Pandeiro exímio apreciador da iguaria.
      Não obstante, a gastronomia sempre esteve ligada ao forró não somente por uma questão fisiológica, mas sobretudo foi do “tingue-lingue” do triângulo dos vendedores de cavaco-chinês, que Luiz Gonzaga achou nas ruas do Recife, aquele timbre que completaria a formação clássica do terno (trio) de forró tão exaltado em tempos de modernidade, inclusive, na descoberta destes temperos pela juventude.





[i] É Mestre em Letras pela Universidade Federal de Sergipe-UFS, gastrólogo e professor do ensino superior.



Para baixar o disco clique aqui




segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Terra da Gente - I Festival Alagoano da Canção Nordestina - ( Vinil )

FBSs Compartilha 


  Esse é daqueles vinis que você encontra em um sebo e leva sem muitas pretensões nem expectativas. Deixa lá encostado e quase esquecido no acervo e leva um tempo até coloca-lo na agulha.
  E quando começa a tocar você percebe o quanto vale a pena passar horas a fio sentado em um banco catando disco por disco, em uma sala que muitas vezes cheira a mofo e faz você passar o resto do dia espirrando. Daqueles discos que não pulamos uma faixa, a cada uma que passa fica a curiosidade do que pode vir na próxima. Surpreendente !
 Letras intensas, músicas fortes, vocalizações, muita viola, violão, bateria, baixo pesado, zabumba, triangulo, sanfona, metais e tudo mais que você imaginar.
 Vai do psicobaião de  Na sombra da Igreja até os oito baixos de Seu Vavá na faixa Maceió em Festa.
 Assim é o disco: Terra da Gente - I Festival Alagoano de Canção Nordestina, que contou com um juri formado entre outros por Onildo Almeida, Luiz Bandeira e Claudionor Germano.
 Coisa fina produzida pelos nossos vizinhos alagoanos.
 Sendo assim o FBSs disponibiliza o link com o arquivo para quem quiser tirar suas próprias conclusões.

*A faixa Festa na Roça têm um pequeno defeito por conta de um arranhão no disco.

** FBSs dedica este post aos parceiros de estradar Maicon Rodrigues e Felipe Moraes.



 Lado A :
           
               1 - Na sombra da Igreja - ( Guido Uchôa ) - DIDA
               2 - Mãe Infância - ( Juvenal Lopes ) - CLEONICE
               3 - Major Jusa Siben - ( Tânio Barreto e Roberto Alan ) - TÂNIO BARRETO
               4 - Morena do Agreste - ( Josê Armando ) - JOSÈ ARMANDO
               5 - Alegria de pobre - ( Oscar Almeida ) - ERIVAN ALVES
               6 - Desesperança - ( Eliezer Seton ) - GRUPO TERRA
               7 - Chão Quente - ( Marcondes Costa e Juvenal Lopes ) - GRUPO TERRA

Lado B :

               1 - Maceió em Festa - (Vavá dos oito baixos) - VAVÁ DOS OITO BAIXOS
               2 - Festa na Roça - ( Marcus Antonio M. De Barros ) - GRUPO TERRA
               3 - A força que o amor tem - ( Luiz Barcelos de Mendonça ) - ZÉ INHACA
               4 - Festa Junina - ( Florival ferreira e Jalon Cabral ) - JOSÉ ELIAS
               5 - Sâo João em Maceió - ( Antônio de Padua e Florival Ferreira ) - AGOSTINHO DA SANFONA
               6 - Meu sertão - ( José Cavalcante dos Reis e Marcondes Costa ) - GRUPO TERRA
               7 - São João em Maceió - ( Jalmeris Pinheiro ) - Adelmo

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Vozes e Toques Sergipanos - Vol I - ( Cd )


FBSs Compartilha:


Fechando a série “Vozes e Toques”, FBSs compartilha o primeiro volume do projeto do belga Damien Chemin, que veio a Sergipe registrar uma das mais importantes manifestações culturais do estado: o Forró.
 O material produzido é riquíssimo em informações visuais e sonoras. O som foi captado ao vivo, na cidade de cada artista, embaixo de árvores, na casa dos músicos, não existiu o processo do estúdio o que dá uma sonoridade toda especial ao trabalho. Na faixa 04 do disco por ex.: “Cheiro de terra queimada” interpretada por Danielzinho e Renê, é utilizado apenas a voz e a sanfona em um belo dueto. O encarte contem uma breve biografia de cada artista, local de nascimento, data, contatos e etc., ficha técnica completa, além de um texto de abertura: “ Forró, Toadas e Aboios”, escrito com louvor pelo nosso grande Proff. José Paulino da Silva.
“ ... VOZES E TOQUES SERGIPANOS é, sobretudo, um apelo para abrir espaços para que outras vozes ate aqui silenciadas ou ignoradas possam ter seu direito a expressão garantido.E, expressando-se através do cantar, do instrumento musical, da poesia,da dança ...possam, enfim, ser ouvidas “
*Trecho do texto
 Um disco que representa bem a essência do Forró Tradicional sergipano. Material  para se ouvir, ler, dançar e se deliciar.
·          

          *FBSs agradece a Fredy Matos Rebouças pelo inesquecível presente.




01 – Itamar e Isaac – Destino de Tanguinha – ( Pedro Honorato e Itamar B. Marques) -  * Toada
02 – Tatua e Os Três do Forró – Forró de Tatua – ( Tatua ) -  * Xaxado
03 – Vânia Silva e Alex – Mexe ....Mexe,Funga....funga – ( Severo e jaguar) - * Forró
04 – Danielzinho e Renê – Cheiro de Terra queimada – ( Lourinho do Acordeon e José rezende) - *Forró
05 – Dida – Forró em Curituba – ( Dida ) - * Forró
06 – Cobra Verde – Festa na Roça – ( Mario Zan e Palmeira ) - *Arrasta – Pé
07 – Valdilécia e Sávio do Acordeon – Uricuri – ( João do Vale e José candido ) - *Forró
08 – Batista do Acordeon – De Itabaianinha a poço Verde – ( Batista do Acordeon ) - *Arrasta Pé )
09 – Erivaldo de Carira – Fazenda Velha – ( Fazenda velha ) - *Forró
10 – Mestrinho – Forró pé de serra/Forró pra se dançar – ( Erivaldinho e Mestrinho ) - *Forró
11 – Renê – Baiaozinho bom –  ( Julinho e Evaldo Gouveia ) - *Forró
12 – Aurelino e os três do Forró – São João Chegou – ( São João Chegou ) -  * Forró
13 – Olivan do Acordeon e Jonias do Acordeon – Agora é minha vez – ( Kara véia ) - * Xote
14 – Cobra Verde – Numa Sala de Reboco –  ( Zé Marcolino e Luiz Gonzaga )*Xote
15 – Batista do Acordeon – Do Tempo de Meu pai –  ( Do Tempo de meu pai ) - *Forró
16 – Genovitor – Vaquejada é a melhor festa – ( Genovitor) - *Arrasta pé
17 – Inguinho e Luliinha – Fazenda São Clemente – ( Danielzinho/Alfredo Neto) - *Toada
18 – Jonias do Acordeon – Cowboy do Ceará – ( Zito e Zete ) - *Forró
19 – Erivaldinho e Mestrinho – Lamento Sertanejo – ( Dominguinhos e Gilberto Gil ) - *Forró
20 – Alex – Josa no Forró – ( Josa, o Vaqueiro do Sertaõ ) - *Choro
21 – Dida – Didalhado – ( Dida) - *Forró
22 – Alexsandra e Cobra Verde – Feira de Mangaio – ( Sivuca e Glória Gadelha) - *Forró
23 – Zé Américo de Campo do Brito – Sertão de Cabra Macho – ( Benicio Guimaraes ) - * Forró
24 – Genovitor e Niltão – Aboio de repente – (Genovitor e Niltão) -  * Aboio

Querendo baixar : Taqui.



quarta-feira, 26 de agosto de 2015

A Genealogia do Forrobodó : Zabé Da Loca.


        A Genealogia do Forrobodó : Zabé da Loca .


   Tornou-se conhecida como Zabé da Loca quando morou por 25 anos numa loca (gruta). Retirou-se do sertão pernambucano para a Paraíba ainda menina. Conheceu logo o trabalho rural, sem chances de freqüentar a escola. Aos sete anos aprendeu a tocar "pife" com o irmão Aristides, do qual, já adulta, não soube mais o paradeiro. Dos 15 irmãos, Zabé viu morrer oito, de fome, sede e doença. Passou a vida entre o trabalho com a enxada e o ofício do pífano. De aparência frágil, com 1 metro e meio de altura, olhos azuis e rosto, desde cedo, marcado pelo trabalho ao solo, teve que conviver com o assédio dos donos das fazendas em que trabalhou quando jovem. Por conta desta situação, engravidou e deu a luz a uma menina. Mais tarde, encontrou seu companheiro, Delmiro, de quem mais tarde ficou viúva, e com quem teve dois filhos. Com grandes dificuldades de ordem financeira, ao ter sua casa desmoronada, Zabé foi morar com a família sob duas pedras na Serra do Tungão, permanecendo lá por 25 anos. Precisando trabalhar na roça, e não tendo com quem deixar as crianças, cavava buracos no chão, sob as sombras da árvores, cobrindo-os com trapos, para que ficassem ali protegidas até o fim de sua jornada de trabalho. Em 2003, passou a morar no assentamento Santa Catarina, município de Monteiro, sertão do Cariri na Paraíba, distante 322 quilômetros de João Pessoa. A loca de Zabé continua intocável e deve se transformar num ponto de visitação turística e de preservação cultural.

*http://www.dicionariompb.com.br/zabe-da-loca/biografia

** Segue abaixo Trailer do Doc.: "O Mundo Encantado de Zabé da Loca" e logo abaixo os links para download dos dois discos lançados pela Zabé.


                 



Para baixar o disco: "Cantos do Semi Árido" clique aqui

Para baixar o disco : " Bom Todo " clique aqui.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Eduardo Teles - Aceroleiro - ( Cordeis de gaveta )



FBSs Compartilha :

Continuamos o baile com a poesia musicada do sergipano Eduardo Teles; em homenagem a abertura do 42° Festival de violeiros do Norte e Nordeste que acontece de 21 a 23 de Agosto/15 em Teresina - PI.

* Ouça a faixa abaixo.


quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Forró do Brasil - Coletânea - ( Vinil )

FBSs compartilha:

FBSs segue o baile com música sergipana na vitrola. Hoje a animação fica por conta da coletânea produzida apenas com participações de forrozeiros sergipanos. Participam desta coletânea: Josa vaqueiro do Sertão, Zé pequeno, Grillo, Passarada do Ritmo, Edgard do Acordeon, Lourival mendes, Thina Alves, Zé Americo e grupo Serrano, Raimunda Andrelina, Os Brasas do Nordeste, Joseane dyjosa, Estação da luz, Jorge maravilha e Batista do Acordeon. Uma boa coletânea, pena não constar o ano de lançamento no disco. Destaque vai para a faixa " Forró do Seu Mané" de Thina Alves e Gervasio e " Forró Apaixonado" de Zé pequeno.

*Segue o link abaixo para download.



Para baixar este disco clique aqui.



Segue abaixo a Faixa : " Forró de Seu Mané - Thina Alves "

sábado, 15 de agosto de 2015

Homenagem a Clemilda - Robertinho + Balança Eu.


FBSs Compartilha:

  No mês do Folclore nada mais justo que uma homenagem a Clemilda, que ao lado de Gérson Filho formou uma parceria duradoura e muito produtiva para nossa música. A alagoana/sergipana cantou nosso folclore, nossas festas, folguedos e ritmos, em toda sua obra. Comandou durante anos o programa Forró no asfalto na Rádio e TV Aperipe, contribuindo significativamente com as expressões de seu povo.
  O ano de 2016 será todo dedicado a artista e sua obra aqui em terras dos cajueiros, mas o “SINDIPEMA – AJU” – ( sindicato dos profissionais do Ensino do município de Aracaju) em 17.08.15 , antecipou-se e já abriu o ciclo de homenagens a cantora.
   No palco, o Balança Eu, que esteve representando Sergipe no FENFIT – ( festival nacional de forró de Itaúnas) deste ano, recebeu convidados da música sergipana que interpretaram diversos clássicos de Clemilda.
   No vídeo abaixo o convidado é Robertinho dos Oito baixos, filho da cantora. O sanfoneiro despeja todo seu talento e carisma no palco e o acompanhamento fica por conta da competência do Balança Eu. Sem dúvida um dos melhores momentos da noite. Destaque para a sanfona de Evanilson – ( sanfoneiro do Balança Eu) dialogando com o Oito Baixos de Robertinho e para sua forma de tocar bem característica, que inclui a dança e a irreverência, dando uma expressividade muito grande as suas interpretações.

*FBSs agradece a Alberto Marcelino pelo convite.



Untitled from forrobodó sound system on Vimeo.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Zetinha - Meu padrinho padre Cícero - ( Vinil ).


FBss Compartilha :

Hoje quem anima o baile é o sergipano de Estância, Zetinha, com o disco: Meu padrinho Padre Cícero. O disco conta com uma sonoridade ímpar, com belos arranjos que inclui flauta em quase todas as faixas, voz bem marcada e ritmada de Zetinha, e belos floreios de sanfona. Destaque para Coco Sergipano, Estou te esperando e História do menino pobre. Muito Coco, Baião, Arrasta Pés e alguns Xotes formatam esta belezura de obra.

* No disco não consta o ano de lançamento.





Para Baixar este disco clique aqui



terça-feira, 4 de agosto de 2015

Forró no Asfalto - Gerson Filho - 1986

Gérson Filho - Centenário.

FBSs hoje continua a homenagem a Gerson Filho com outro vídeo do Rei dos Oito Baixos no programa Forró no Asfalto da Tv Aperipê, ainda da década de oitenta, com apresentação de Clemilda





sábado, 1 de agosto de 2015

Forró no Asfalto - 1986 - Gerson Filho e Lourinho do Acordeon.


  E em homenagem ao centenário de Gerson Filho, o FBSs publicará alguns videos do "Rei dos oito baixos", começando com este de 1986.

  Forró no Asfalto, programa exibido pela Tv Aperipê em 1986, apresentado por Clemilda, com Gerson Filho e Lourinho do Acordeon.






domingo, 26 de julho de 2015

sábado, 25 de julho de 2015

Balança eu - Itaúnas 2015.


 Balança eu foi o representante de SE no FENFIT ( Festival Nacional de Forró de Itaúnas ) de 2015.
 Foram duas boas apresentações.Passaram tranquilos pela primeira etapa, no entanto não se classificaram para a final, muito mais pelo alto nível do festival do que por falta de merecimento...infelizmente apenas quatro passaram para a grande final. A disputa foi boa, pois pelo que foi apresentado no palco pelo menos doze estavam concorrendo diretamente a classificação.

Balança eu foi composta no FENFIT por Papudogil na Zabumba, Alberto Marcelino na voz e triangulo, Luiz Fontinelli no violão e Evanilson na sanfona.

  Segue abaixo os áudios das duas apresentações para quem quiser apenas ouvir. Já para quem quiser baixar o arquivo, segue o link logo abaixo.

*FBSs parabeniza o grupo Balança eu pela bela participação no festival.


Primeira apresentação:


Caso queira baixar a primeira apresentação, clique aqui



Segunda Apresentação :





Caso queira baixar a segunda apresentação, clique aqui.






segunda-feira, 20 de julho de 2015

Zé Alves - Você é meu xodó - ( Vinil )


Zé Alves.

Com este "a paia voa" é a quarta faixa do lado A deste disco do sanfoneiro/repentista/compositor Zé Alves e bem que poderia dar titulo a este disco, pois é justamente esta a impressão que o trabalho passa. Muito balanço, ótimas composições ( Zé Alves e Antônio Pereira), Sanfona executada com maestria, voz marcante, zabumba dando o peso e a quebrada certa...enfim... forró de peso e respeito, pedrada das boas para se tocar da primeira á ultima faixa.

FBss


*José Alves de Queiroz, conhecido artísticamente por Zé Alves, pode ser definido como um artista completo, como atributos, ele é um excelente compositor, instrumentista, sanfoneiro e repentista. Vem de uma família de músicos, seu pai era acordeonista e seu irmão tocava trombone. Zé Alves nasceu em 15/07/1939 na cidade de Anabias, em Alagoas. Durante a adolescência sofreu de inflamação no nervo ótico, o que lhe tirou a capacidade visual. Por volta dos 22 anos, passou a apresentar-se em festas. Formou um trio composto por Manoel dos Santos, o Canário da Zabumba e José Irineu de França no triângulo.

* Texto extraído do site www.forroemvinil.com.br ( Dj Rick ) e www.dicionariompb.com.br.






        Zé Alves - Você é meu xodó.

        1 - Relembrando o Tenente jesus - ( Antônio Pereira )
        2 - Pegou fogo na paioça - ( Zé Alves )
        3 - O que eu vi em Maceió - ( Antônio Pereira )
        4 - Com este "a paia voa" - ( Zé Alves ).
        5 - Brincando com meu amor - ( Antônio Pereira ).
        6 - Recordando Lampeão - ( Zé Alves ).
        7 - Mestre mendes no Forró - ( Zé Alves ).
        8 - Em volta da fogueira - ( Antônio Pereira ).
        9 - Sanfona Marvada - ( Zé Alves )
        10 - Filho do sr. do Bomfim - ( Antônio Pereira ).
        11 - Forró em Cajazeiras - ( Zé Alves ).
        12 - Você é meu xodó - ( Antônio Pereira ).

         Deixe a paia voar, clique aqui para baixar o disco.


domingo, 12 de julho de 2015

Cd - Casaca de Couro - Canta Casaca de Couro


A sergipana Casaca de Couro



NOVO CD DA BANDA CASACA DE COURO
BAIXE AQUI: http://www.suamusica.com.br/…
1. CANTA CASACA DE COURO. BR-IRJ - 15 - 00001
(Joaquim Antonio/Lizete Feitosa)
2.A MÁQUINA DE LAVAR ROUPAS/A FOME E
A VONTADE DE COMER. BR-IRJ - 15 - 00002
(Antonio Ribeiro - Bule Bule)
3. PAGODE FORROZADO. BR-IRJ - 15 - 00003
(Nerilson Buscapé)
4. FORRÓ NO MATADOURO. BR-IRJ - 15 - 00004
(Arício Feliciano)
5. MENINA FACEIRA. BR-IRJ - 15 - 00005
(Joaquim Antonio/Linhares)
6. TEMPO NÃO CURA. BR-IRJ - 15 - 00006
(Joaquim Antonio)
7. SÓ SAUDADE. BR-IRJ - 15 - 00007
(Alexandre Pé-de-Serra)
8. PASSARINHO NA CIDADE. BR-IRJ - 15 - 00008
(Joaquim Antonio)
9. PLANTAÇÃO. BR-IRJ - 15 - 00009
(Everardo Sena)
10. ME LEVE. BR-IRJ - 15 - 00010
(Joquim Antonio)
11. MIUDINHO. BR-IRJ - 15 - 00011
(Joaquim Antonio/Lizete Feitosa)
12. BRINCARIÊ, BRINCARIÁ. BR-IRJ - 15 - 00012
(Joaquim Antonio)
Direção Musical
Voz: Joaquim Antonio e Lizete Feitosa
Voz Back: Elezi Cardoson
Acordeon: Soenildo Cobra Verde
Violino: Eduardo Monte Santos
Percussão: Humberto Barreto e Ton Toy
Cavaquinho: Humberto Barreto
Guitarras e contra baixo: Kelvin Jenisson
Direção musical: Kelvin Farias
Concepção e arranjos: Kelvin Farias e Joaquim Antonio
Gravado e Mixado nos Stúdios Waves e Somnart
Técnicos de gravação e mixagem: Kelvin Farias e Gerson José
Masterização: Stúdio Somnart
Técnico masterização: Gerson José

sábado, 11 de julho de 2015

Fórum do Forró - 2015 / Aracaju-SE

    Robertinho dos oito baixos.

   Este ano o fórum do forró se propôs a homenagear o centenário do rei dos oito baixos, o sanfoneiro alagoano/sergipano Gérson Filho. Nesse vídeo feito no fórum, Gérson é interpretado pelo seu filho, o talentoso Robertinho dos oito baixos, numa apresentação de pura expressividade, habilidade e carisma.


Fórum do Forró 2015 - Robertinho dos oito Baixos from forrobodó sound system on Vimeo.




quarta-feira, 8 de julho de 2015

Mixtape - Forrobodó na Discoteca


Mixtape - Forrobodó na Discoteca.
1 - Mexe mexe - Fuba de Taperoá ( Coletanea Rootstock 2011 - *Claudio Santana e Davis Cruz); 2 - Discoteque no Forró ( Bolão - Forró do Bolão ) ; 3 - Mané na Discoteca - Manoel de Elias ( Na Discoteca do Mané ); - 4 - Camaleão - Assisão ( Carga de Brasa ); 5 - Xodo dos Sanfoneiros - Roberto do Acordeon; 6 - Alegria no Sertão - Gerson Filho ( Forró com briga ); 7 - Buchada - Baiano e os Novos caetanos ( Baiano e os Novos Caetanos); 8 - Carater Duro - Toinho de Alagoas ( Brasil Forró music for maids ... ); 9 - Até o dia clarear - Os três do Nordeste ( É bom pra valer ); 10 - Ó Menininha - Clemilda ( Caminho da Roça); 11 - Isso Tudo é suor - Zé Alves ( Falsidade ); 12 - Um xodó de mulher - Messias Holanda ( Um xodó de mulher ); 13 - Briga de artista - Trio Dona Zefa ( Beleza de baile ); 14 - Forró de dois - Marluce e Zé Roseno ( Chupeta velha ); 15 - Forró do cabra Zoró - Genival Lacerda ( O rei da Munganga ); 16 - Prego batido ponta virada - Zito Borborema - ( Alegria da festa ).

domingo, 28 de junho de 2015

Francico Xavier - Uma brasa a moda de Francisco Xavier ( Vinil )

FBSs compartilha

E dando continuidade ao baile o FBSs troca o vinil e segue no embalo. Hoje quem esquenta a pisada é o Francisco Xavier, com o disco " Uma Brasa a moda de Francisco Xavier"  de 1966. O disco faz uma releitura de clássicos do cancioneiro popular nordestino, dando uma roupagem "Iê iê iê" às músicas, na tentativa de dialogar com a juventude da época que consumiam esse ritmo importado em massa, fazendo com que caissem no esquecimento os grandes nomes do nosso cancioneiro que só foram resgatados posteriormente pelos tropicalistas.

*Não foi possível encontrar quase nenhuma informação a respeito do disco nem do Francisco Xavier...caso alguém possua alguma informação e queira compartilhar é só postar nos comentários.

FBSs agradece a Coelho Experiença pela disponibilização do arquivo.




Segurem essa " brasa " clicando aqui.





quinta-feira, 25 de junho de 2015

Herdeiros do Forró - Parte I


A genealogia do forrobodó.


Documentário sobre uma geração de sanfoneiros sergipanos que falam sobre a herança do instrumento, sobre o forró e executam ao vivo e com maestria grandes clássicos do nosso forrobodó. Participam do vídeo sanfoneiros como Erivaldinho, Cobra Verde, Mestrinho, Alex, Rene e Tatua.
Uma Realização da Fundação Aperipê com Direção de Damien Chemin e Thiago Paulino.

Um belíssimo documento !

*FBSs agradece a Thiago Paulino pela grande indicação.


Herdeiros do Forró - Parte I from Paulino on Vimeo.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Camarão - Camarão ao molho de Forró - ( Vinil )

   E como o baile não pode parar, hoje quem vem botando pra ferver é o saudoso pernambucano Reginaldo Alves Ferreira, conhecido como Mestre Camarão, que nos deixou no último dia 21 de Abril deste ano. Camarão era considerado patrimônio vivo do estado de PE desde 2002. O apelido veio do alagoano Jacinto Silva ao observar suas bochechas rubras. O Mestre foi responsável ainda por instituir o formato de banda/conjunto dentro do Forró com a Bandinha do Camarão.
  Este disco é para se dançar do começo ao fim, muito bem produzido, com boas doses de guitarra e baixo, sanfona bem característica e com muito balanço além de ótimas composições. Destaque para "Ela não é flor que se cheire" de Luiz Galvão, Pepeu Gomes, Jorginho e Gomes e " Sanfoneiro de Garanhuns" do próprio Camarão.



Delicie-se com este prato, clique aqui.




Programação do Arraiá do povo 2015 - Aracaju/SE

FBSs divulga :




DIA 18/06 (QUINTA-FEIRA)
19:00 - TRIO VOZ DE OURO (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
19:00 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/TUICA E A BONECA SEBASTIANA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
19:00 - BACAMARTEIROS DE AGUADA (Carmopolis/SE) - CIRCULANDO
20:30 - RAVENGAR DO ACORDEON (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
20:00 - CORREIA DOS OITO BAIXOS (Capela/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA UNIDOS EM ASA BRANCA (Aracaju/SE) - (Convidada) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - BANDA FORRÓ DI BUTECO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - OS GONZAGAS (João Pessoa/PB) - PALCO CLEMILDA

DIA 19/06 (SEXTA-FEIRA)
19:00 - TRIO XAMEGO NORDESTINO - CORETO ISMAR BARRETO
19:30 - SAMBA DE PAREIA (Laranjeiras/SE) - CIRCULANDO
19:30 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/PADRE BELGA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
20:00 - ÁGUA MOLE EM PEDRA DURA (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
21:00 - QUADRILHA ABUSADOS AS ROÇA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
21:30 - SENA FORRÓ DA ROÇA (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
23:30 - JAILSON DO ACORDEON (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
01:30 - BANDA FORRÓ MAIOR CANTA GONZAGÃO - PALCO CLEMILDA

DIA - 20/06 (SÁBADO)
18:00 - OSMANDO ACORDEON - CORETO ISMAR BARRETO
19:00 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/PADRE BELGA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
20:00 - SAMBA DE COCO (São Cristovão/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
20:00 - RETALHOS NORDESTINOS (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA SECULO XX (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - BALAIO DE FULÔ (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - HEITOR MENDONÇA - FORRÓ DO MESQUITA (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 21/06 (DOMINGO)
18:00 - TRIO NORDESTE INDEPENDENTE(Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
18:30 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/TUICA E A BONECA SEBASTIANA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
19:00 - CACETEIRA (São Cristovão/SE) – CIRCULANDO
18:00 - PIERRE FEITOSA (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
20:00 - EDGAR DO ACORDEON (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
20:30 - QUADRILHA JUNINA CANGACEIROS DA BOA (Japaratuba/SE) - TABLADO ARI SOARES
21:00 - BATISTA DO ACORDEON - PALCO CLEMILDA
23:00 - VIRGINIA FONTES (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 22/06 (SEGUNDA-FEIRA)
19:00 - GRUPO DE PÍFANO (Poço Verde/SE) - CORETO ISMAR BARRET0
20:00 - TRIO FORRÓ CULTURARTE (Laranjeiras/SE) - CORETO ISMAR BARRET0
19:30 - QUADRILHA JUNINA XODO DA VILA - TABLADO ARI SOARES
20:00 - JOSEANE DE JOSA (Areia Branca/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA RETIRANTES DO SERTÃO (Frei Paulo/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - BOB LELIS E FORRÓ GOZADO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - GENILVAL LACERDA (Campina Grande/PB) - PALCO CLEMILDA

DIA - 23/06 (TERÇA-FEIRA)
18:00 - TRIO PIAUÍ (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
18:30 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/PADRE BELGA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
18:30 - GRUPO PENEIROU XERÉM (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
19:00 - QUADRILHA ASA BRANCA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
20:00 - ANTONIO CARLOS DU ARACAJU (Porto da Folha/SE) - PALCO CLEMILDA
22:00 - LUIZ PAULO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - MESTRINHO (Itabaiana/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 23/06 (QUARTA-FEIRA)
18:00 - TRIO PIAUÍ (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
18:30 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/PADRE BELGA (Aracaju/SE) - CIRCULANDO
18:30 - GRUPO PENEIROU XERÉM (Aracaju/SE) – TABLADO ARI SOARES
19:00 - QUADRILHA ASA BRANCA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
20:00 - SÉRGIO LUCAS (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
22:00 - LUIZ PAULO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - MESTRINHO (Itabaiana/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 24/06 (QUINTA-FEIRA)
18:00 - TRIO ITAPUÃ (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
18:30 - BATALHÃO DE SÃO JOÃO (Lagarto/SE) - CIRCULANDO
19:30 - QUADRILHA MEU XODÓ (São Cristovão/SE) - TABLADO ARI SOARES
20:00 - CEBOLINHA DO FORRÓ BIS (Socorro/SE) - PALCO CLEMILDA
22:00 - JOÉSIA RAMOS (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - EDSON COSTA (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 25/06 (SEXA-FEIRA)
19:00 - SAMBA DE CÔCO DA BARRA DOS COQUEIROS - CORETO ISMAR BARRETO
19:00 - QUADRILHA CHAPEU DE COURO (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
19:30 - GILVAN LIMA (São Cristovão/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
20:00 - ARARÃO DO NORDESTE (São Cristovão/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA MASSACARÁ (Carmopolis/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - CASACA DE COURO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - GERALDO CARDOSO (Maceió/AL) - PALCO CLEMILDA

DIA - 26/06 (SÁBADO)
18:00 - TRIO VASSORAL - CORETO ISMAR BARRETO
18:00 - DANDO NÓ EM PINGO D'ÁGUA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
18:30 - BATALÃO 1º DE SÃO JOÃO (Laranjeiras/SE) – CIRCULANDO
20:00 - BEM TI VI O REI DO COQUINHO - CORETO ISMAR BARRETO
19:00 - DANÇA EM RODA NORDESTINAS - TABLADO ARI SOARES
19:30 - ANTONIO CARLOS DU ARACAJU (Porto da Folha/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA PIONEIROS DA ROÇA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - VALTINHO DO ACORDEON (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - CEZINHA (Recife/PE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 27/06 (DOMINGO)
17:00 - GILSON DO ACORDEON (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
17:30 - BATALHÃO TRADIÇÃO (Laranjeiras/SE) – CIRCULANDO
17:30 - FUZONS - CAMINHOS DE TERRA E ÁGUA - TABLADO ARI SOARES
18:30 - QUADRILHA ROSA DOURADA (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
19:00 EVERARDO SENA (CORONÉ VEVÉ) (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
19:30 - OS ARARAS DO FORRÓ(Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA BALANÇA MAIS NÃO CAI (Itabaiana/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - SERGIVAL (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - QUINTETO VIOLADO (Recife/PE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 28/06 (SEGUNDA-FEIRA)
17:30 - LULA DO ACORDEON (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
17:30 - MENESTRÉIS NO ARRAIÁ/TUICA E A BONECA SEBASTIANA/PADRE BELGA (Aracaju/SE) – CIRCULANDO 19:00 - FORRÓ MATURI (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
19:30 - QUADRILHA FLOR NORDESTINA(Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
20:00 - ZÉ ROSENO E MARLUCE (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
21:30 - QUADRILHA TRADIÇÃO JUNINA(Simão Dias/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - SILVÉRIO PESSOA (Recife/PE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - BANDA XOTE BAIÃO (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA

DIA - 29/06 (TERÇA-FEIRA)
18:00 - MENESTRÉIS NO ARRAIA/PADRE BELGA(Aracaju/SE) – CIRCULANDO
18:30 - QUADRILHA ASSUM PRETO(Aracaju/SE) – (convidada) - TABLADO ARI SOARES
18:30 - IBURA (Aracaju/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
19:00 - QUADRILHA ASSUM PRETO (Aracaju/SE) - TABLADO ARI SOARES
19:30 - FORRÓ DA INTIMIDADE - PALCO CLEMILDA
20:30 - BANDA DE PÍFANO ESQUENTA MUIÉ (Laranjeiras/SE) - CORETO ISMAR BARRETO
21:30 - QUADRILHA POEIRINHA DO SERTÃO (Laranjeiras/SE) - TABLADO ARI SOARES
22:00 - ZÉ TRAMELA (Aracaju/SE) - PALCO CLEMILDA
00:00 - TARGINO GONDIM (Juazeiro/BA) - PALCO CLEMILDA


Fonte: ASCOM